Book Club: Vive a Tua Luz

Como já é habitual aqui pelo World Dreaming Blog gosto de vos falar de livros: livros que estou a ler, que quero ler, livros que me inspiram e que acho que também vos podem inspirar a vocês!

Hoje falo-vos do livro “Vive a tua luz” escrito pela querida Inês Nunes Pimentel.

Desde que a Inês anunciou no Instagram que ia lançar um livro soube que tinha que ler porque já sabia que ia ser um livro que me iria trazer aprendizagens. Muitas.

book-club-vive-a-tua-luz

Para quem não conhece a Inês e o trabalho dela vou-vos falar um pouco sobre ela.

A Inês é uma coach de transformação para o corpo, mente e alma e desde que a encontrei por acaso no Instagram que quis saber mais sobre ela e sobre o seu percurso.

A história dela é inspiradora (não há outra palavra para descrever) e é incrível a forma como ela a partilha connosco. Para saberes mais sobre a Inês vê aqui o blog dela.

O primeiro livro da Inês é descrito como sendo “Um guia para te apaixonares por ti e seres a tua versão mais autêntica e brilhante”. Este é, para mim, um livro diferente. Não se trata só de ler. É ler, aprender, pensar, reler, pensar novamente, reflectir, começares a tua transformação… É mais do que uma leitura, é um processo, uma aprendizagem e uma mudança.

É um livro que ainda estou a ler, com o meu próprio tempo para pensar e reflectir em todos os aspectos, conhecer-me e aprender o que posso e necessito de trabalhar.

Mas, apesar de ainda não o ter terminado, já sei que é um livro que vos quero recomendar. Que sinto que qualquer pessoa pode e deve ler, pode aprender alguma coisa, que pode ser útil para qualquer pessoa em qualquer momento da nossa vida.

Este é sem dúvida um livro diferente de todos aqueles que já vos falei aqui. E não vos posso deixar de o recomendar!

Podem comprar este livro na Fnac, na Bertrand e na Wook.

E vocês desse lado, já conheciam a Inês e o “Vive a tua Luz”?

Contem-nos tudo nos comentários!

 

Disclaimer: Todas as fotografias utilizadas neste post pertencem à Inês Nunes Pimentel.



What do you think?